15/02/2019 às 15h18min - Atualizada em 16/02/2019 às 23h00min

Equipe da FOA-Unesp participa de capacitação do Projeto Rondon

Estudantes de odontologia do câmpus Araçatuba estiveram em cidade do semiárido do Piauí

Assessoria de Imprensa, Unesp
Foto: Divulgação
A equipe da Faculdade de Odontologia do câmpus Araçatuba da Unesp (FOA-Unesp) realizou semana de capacitação em saúde bucal para as crianças, gestores, pais, responsáveis, educadores e agentes comunitários de saúde, durante o Projeto Rondon, em Nossa Senhora de Nazaré, no semiárido do Piauí.

Na ocasião, a comunidade foi convidada a participar de atividades teóricas e práticas que valorizaram o fortalecimento da atenção básica na saúde bucal das crianças tanto na primeiríssima quanto na primeira infância. As atividades tiveram início logo no primeiro dia de atividades, em 21 de janeiro, da Operação Parnaíba.

Sob a coordenação dos professores Stefan Fiuza de Carvalho Dekon e Renato Salviato Fajardo, os alunos/rondonistas Luy de Abreu Costa, Fernanda de Sousa Camilo e Stéfani Caroline Ferriolli organizaram uma oficina pedagógica. Também participaram da atividade o criador do projeto Sorriso Feliz, professor Wilson Galhego Garcia, e os demais alunos/rondonistas Alessandra Gislot (Psicologia da Unesp-Assis), Bruno Rodrigues Leonardo (Educação Física da Unesp-Bauru), Ana Carolina Norberto Campozano Silva (Engenharia Ambiental da Unesp-Presidente Prudente), Giovanna Sinigalia Leme Nogueira (Medicina Veterinária da Unesp-Araçatuba) e Fernando Mora Gaspari (Engenharia Agronômica da Unesp-Botucatu).

Com o tema “A importância da saúde bucal nas políticas públicas: estratégias de planejamento e inovação na modernização da gestão pública”, a atividade foi prestigiada pelos gestores da cidade do Piauí, como o prefeito local, os secretários de saúde e de educação, vereadores, educadores e agentes comunitários de saúde.

O segundo dia de atividades relacionadas ocorreu em 23 de janeiro, com a oficina “Hábitos saudáveis para uma dentição saudável”, ministrada pelos mesmos alunos, mas agora direcionada às crianças e aos jovens. Neste dia, foram entregues kits contendo sabonete, escova e dentifrício a todas as crianças participantes e foi realizada a prática de escovação supervisionada pelos alunos da FOA-Unesp.

O terceiro dia de atividades, em 24 de janeiro, ocorreu na localidade São Francisco Cardoso, com a presença das crianças, mães e agentes comunitários de saúde. Trata-se de um bairro afastado do perímetro urbano de Nossa Senhora de Nazaré. Nesse dia, aplicou-se essencialmente a parte prática do Sorriso Feliz, objeto da carta do diretor da FOA ao prefeito.

Em 31 de janeiro, a oficina foi estendida aos idosos, com o tema “Melhor idade ativa: saúde do idoso”, e realizada no Centro de Referência em Assistência Social (Cras). A capacitação sobre higienização e cuidado com as próteses e a prática sobre autoexame da boca foi coordenada e ministrada por Luy de Abreu Costa, Fernanda de Sousa Camilo e Stéfani Caroline Ferriolli, da FOA-Unesp.

Em seguida, a semana de capacitação se encerrou neste mesmo dia com a prática do Sorriso Feliz voltada aos gestores, educadores, secretários, prefeito e vereadores, que ocorreu na Câmara Municipal.

Fez-se a leitura da Carta Aberta ao prefeito Luiz Cardoso de Oliveira Neto, encaminhada pelo diretor da Faculdade de Odontologia do câmpus Araçatuba, professor Wilson Roberto Poi.

É o segundo ano em que a FOA-Unesp participa do Projeto Rondon, objeto de acirrada concorrência de âmbito nacional, entre centenas de universidades públicas e privadas. Coloca-se como perspectiva futura que a experiência adquirida durante esta Operação Parnaíba no semiárido piauiense será útil na implantação do projeto Sorriso Feliz na Cordilheira dos Andes.

“Esta viagem foi uma oportunidade de imensuráveis conquistas para nós, alunos, na percepção de que um mundo melhor e mais saudável ainda é possível.
Teremos sempre conosco cada aprendizado, na confiança de que, das sementes por nós lançadas, colheremos bons frutos no futuro e que, além de seres humanos, nos tornamos verdadeiros cidadãos”, afirmou a equipe FOA-Projeto Rondon.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »