05/02/2019 às 10h53min - Atualizada em 05/02/2019 às 10h53min

Dilma pede pensão de R$ 10 mil para Comissão da Anistia

Petista já rececebu R$ 72 mil em indenizações.

MBL NEWS
A ex-presidente Dilma Roussef está pedindo uma pensão de R$ 10 mil por ter sido “presa, perseguida e torturada” durante o regime militar.

O pedido foi feito em 2002 e deve ser analisado em breve pela Ministra da Mulher e dos Direitos Humanos Damares Alves, cuja pasta comanda a Comissão da Anistia agora no governo Bolsonaro.

Dilma cita que teve de abandonar o curso de economia da UFMG em 1969 após a perseguição dos militares. A ex-presidente também alega que foi barbaramente torturada do DOI-Codi do Rio de Janeiro e em delegacias de Juiz de Fora, Minas Gerais.

A petista já recebeu R$ 72 mil em indenizações dos governos de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »