21/12/2018 às 11h44min - Atualizada em 21/12/2018 às 11h44min

PF tenta descobrir quem financia os advogados de Adélio, autor do atentado contra Bolsonaro

MBL News
Foto: Divulgação
A Polícia Federal realiza na manhã deste sexta-feira, 21, mandados de busca e apreensão em endereços dos advogados de Adélio Bispo de Oliveira, o autor do atentado que quase matou o presidente eleito Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral.

Adélio conta que é ex-servente de pedreiro e estava desempregado, mas está sendo defendido por advogados caríssimos, que usaram até um jatinho para ir a Juiz de Fora, cidade onde o atentado aconteceu e Adélio foi preso.

Os advogados contaram inicialmente que uma congregação religiosa estava pagando os honorários, mas depois se recursaram a revelar quem realmente os financiava.

Agora, a Polícia Federal realiza mandados de busca e apreensão para revelar quem realmente está por trás da defesa de Adélio.

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »