08/11/2018 às 08h21min - Atualizada em 08/11/2018 às 08h21min

Vereador Lucas Zanatta quer adiar votação do Escola Sem Partido

Assessoria de Imprensa da Câmara
Mães de alunos apoiam programa Sem Partido em Araçatuba. ( Foto: Angelo Cardoso)
O vereador Lucas Zanatta (PV) anunciou nesta quarta-feira (07/11), à tarde, que vai requerer o adiamento para o ano que vem da análise do parecer contrário da Comissão Permanente de Educação, Ciência e Tecnologia da Câmara ao Projeto de Lei 0042/2018, que visa implantar na rede municipal de ensino o programa Escola Sem Partido. O parecer está previsto para ir à votação no próximo dia 12, durante a 36ª sessão ordinária do ano.

Em nota distribuída à imprensa, Lucas Zanatta afirmou que a decisão de solicitar o adiamento ocorreu depois de ouvir a opinião de um grupo de apoiadores, “uma vez que no governo federal o projeto será amplamente discutido”.

A nota assinada pelo vereador informa ainda que a intenção dos apoiadores locais é de que o projeto esteja em consonância com a futura legislação federal, que deverá ser debatida no ano que vem.

“Além disso, há manifestações de apoio por parte de professores da rede municipal de ensino, o que dá mais efetividade ao projeto”, afirmou o vereador Lucas Zanatta.

Entre os apoiadores do programa Escola Sem Partido, o parlamentar destacou os grupos: Mães pelo Escola Sem Partido; União das Entidades Civis de Araçatuba e Região (Uecar); Associação Paulista de Medicina – Araçatuba; Associação Comercial e Industrial de Araçatuba; Lojas Maçônicas de Araçatuba; Ordem dos Advogados do Brasil (Subseção Araçatuba) e Associação dos Engenheiros e Arquitetos da Alta Noroeste (Aean).
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »