• Olá visitante, seja bem-vindo!
    Entrar | Cadastre-se
  • Tempo Hoje
    SP, Araçatuba
    min 22º
    máx 29º
  • Segunda, 16 de Outubro de 2017
    • Facebook
    • Twitter
    • Pinterest
    • Instagram
    • Youtube
    • Rss

Bem Estar / 5 de Outubro de 2017 09h53

SAÚDE

Os benefícios do equilíbrio emocional no sucesso do tratamento do câncer

0 votos
Outubro Rosa é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.
Vida Plena e Saúde
Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus Compartilhe no Pinterest
Foto: Vida Plena e Saúde
Os avanços da medicina são muitos em relação à novos tratamentos e chegam a estimativas de cura em mais de 90% dos casos.

Porém, será que somente os remédios e quimioterapias são suficientes para o sucesso do tratamento e posterior cura da doença? Especialistas garantem que não!

O aspecto psicológico tem grande parcela de participação após a descoberta do diagnóstico.

A gênese de inúmeras doenças físicas, reside nos fatores emocionais, psicológicos, na herança genética e no estilo de vida. Como profissional da área da saúde mental, sei perfeitamente que receber um diagnóstico de câncer desestabiliza, fragiliza e até causa depressão em algumas pessoas”, explica a psicóloga Marilene Kehdi.

Ela ainda ressalta que é muito importante ter consciência do quanto manter o equilíbrio emocional, alimentar pensamentos positivos e ser otimista é essencial para ajudar no sucesso do tratamento médico.

A especialista explica que para encontrar e manter esse equilíbrio emocional o paciente deve avaliar seus pensamentos dominantes (persistentes), e os tipos de emoções que surgem com eles, identificando assim o que tira suas forças e a sua paz interior e ir modificando-os.

É essencial que o paciente concentre seus pensamentos e comportamentos naquilo que está realmente interessado que lhe aconteça, fazendo disso um exercício diário. Tudo o que dificultar a eficácia do tratamento tem que ser erradicado, incluindo medos, hábitos errados e estilo de vida”, completa a psicóloga.

Marilene Kehdi, especialista em doenças psicossomáticas e atendimento clínico, com aprimoramento em psicologia hospitalar, destaca que o medo é uma emoção paralisante e por isso deve ser enfrentado.

E deixa uma “Psicodica” para os que estão passando por esse momento.

Se você sabe que dentro de si existem conflitos que há muito tempo estão tirando seu equilíbrio, seu sono e sua saúde, faça psicoterapia, procure resolve-los, elabora-los e criar um novo significado. Entenda que a psicoterapia faz parte do processo e do sucesso do tratamento. Durante todo o tratamento manter um bom estado de ânimo e uma atitude otimista faz toda a diferença a seu favor e isso é comprovado”, finaliza a especialista.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários
0 comentários


Comentários via Facebook

2017 © - Atanews