• Olá visitante, seja bem-vindo!
    Entrar | Cadastre-se
  • Tempo Hoje
    SP, Araçatuba
    min 22º
    máx 29º
  • Segunda, 16 de Outubro de 2017
    • Facebook
    • Twitter
    • Pinterest
    • Instagram
    • Youtube
    • Rss

Notícias / 12 de Outubro de 2017 10h45

ACIDENTE

Motorista morre e 36 pessoas ficaram feridas em colisão de ônibus

0 votos
AtaNews
Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus Compartilhe no Pinterest
Pista ficou totalmente interditada para o atendimento das vítimas, mas foi parcialmente liberada por volta das 6h30 ( Foto: J. Serafim Show Divulgação )
O motorista de um ônibus morreu e 36 passageiros ficaram feridos após o veículo bater na traseira de um caminhão canavieiro na Rodovia Marechal Rondon em Lins (SP), por volta das 3h30, desta quinta-feira (12).

Segundo as informações da Polícia Rodoviária, o ônibus bateu na traseira do caminhão no km 447, perto do trevo de acesso para BR-153. O motorista do ônibus, Edson Almeida da Silva, de 38 anos, morador em Araçatuba, morreu no local do acidente. Já o caminhoneiro não teve ferimentos. Ele passou pelo teste de bafômetro e nenhuma irregularidade foi constatada.

A pista foi parcialmente liberada por volta das 6h30, após o atendimento dos feridos. Às 11h, a rodovia estava completamente liberada.

Parte dos passageiros foram levados para a Santa Casa de Lins e outros 11 para dois hospitais particulares da cidade. Ainda não há informações sobre o estado de saúde deles, mas segundo a Polícia Rodoviária, cinco pessoas foram socorridas em estado grave. O ônibus saiu São Paulo (SP) com destino a Três Lagoas (MS).

No socorro das vítimas foram usadas ambulâncias de Lins, de um hospital particular e o apoio de bombeiros de Lins, Promissão e Bauru. As causas do acidente ainda serão investigadas. Em nota, a Empresa Reunidas informou que lamenta o ocorrido e que está prestando toda a assistência às vítimas, com uma equipe em cada hospital.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários
0 comentários


Comentários via Facebook

2017 © - Atanews