• Olá visitante, seja bem-vindo!
    Entrar | Cadastre-se
  • Tempo Hoje
    SP, Araçatuba
    min 22º
    máx 29º
  • Segunda, 21 de Agosto de 2017
    • Facebook
    • Twitter
    • Pinterest
    • Instagram
    • Youtube
    • Rss

Notícias / 11 de Agosto de 2017 16h55

SAÚDE

Novo fascículo de “Tudo sobre medicamentos” está no ar

0 votos
Edição explica a diferença entre as tarjas coloridas presentes nas caixas de medicamentos e os perigos de comprimidos divididos ao meio
ADS Comunicações
Compartilhe no Twitter Compartilhe no Google Plus Compartilhe no Pinterest
O terceiro fascículo da série “Tudo sobre medicamentos” já está disponível para download gratuito no site do Dr. Drauzio Varella. O projeto, uma parceira de conteúdo entre Prati-Donaduzzi, maior produtora de medicamentos genéricos do Brasil* e o site do médico, traz o histórico, curiosidades e novidades sobre os genéricos, valorizando sua produção e consumo.

No novo fascículo, o Dr. Drauzio Varella explica a diferença entre um medicamento de referência, o genérico e o similar, detalhando os benefícios de cada um e o que são os fitoterápicos, bem como significado das tarjas que acompanham as caixas dos medicamentos. As tarjas das caixas, um dos destaques deste especial, foram estabelecidas para qualificar os medicamentos quanto ao risco que eles podem oferecer à vida das pessoas, principalmente se forem consumidos de maneira descometida. Diferencie as tarjas e seu propósito:

- Tarja Preta: são medicamentos entorpecentes ou psicotrópicos, que agem no sistema nervoso central, podem causar dependência química ou psíquica, só podem ser vendidos com retenção de receita médica;

- Tarja Vermelha: são os que oferecem riscos intermediários à saúde do paciente. Possui duas vias de comercialização, “Venda sob prescrição médica” e “Venda sob prescrição médica, só pode ser vendido com retenção de receita”. Neste último caso o medicamento apresenta mais efeito adverso e exige mais cuidado em sua utilização;

- Tarja Amarela: são medicamentos genéricos. Possuem uma inscrição em azul escuro “Medicamento Genérico”, além da letra G, como referência;

- Sem tarjas: são os medicamentos isentos de prescrição médica, aqueles que podem ser comprados direto na farmácia sem a receita, mas que se administrados corretamente não apresentam riscos à saúde do paciente.

Nesta edição o médico explica também, de forma clara e objetiva, as diferenças entre mg e ml, e quais as dificuldades enfrentadas até mesmo por profissionais da saúde na hora de calcular uma dose. Ressalta, ainda, a periculosidade em se dividir comprimidos e como esta atividade pode afetar o tratamento do paciente.

É possível baixar gratuitamente o número três da série e acompanhar as próximas edições:

https://drauziovarella.com.br/wp-content/uploads/2017/07/PRATI-FASCI%CC%81CULO-03-FINAL-1.pdf


Sobre a Prati-Donaduzzi

A Prati-Donaduzzi, indústria farmacêutica especializada no desenvolvimento e produção de medicamentos genéricos e similares, é a primeira no país a comercializar os medicamentos fracionáveis. Com sede em Toledo, oeste do Paraná, tem mais de 4 mil colaboradores e possui um dos maiores portfólios de medicamentos genéricos do Brasil. Produz, em média, 12 bilhões de doses terapêuticas por ano.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários
0 comentários


Comentários via Facebook

2017 © - Atanews